Triumph ajuda a superar recordes em Mugello, incluindo a primeira velocidade máxima de 300 km/h na Moto2

O espanhol Alex Marquez conseguiu sua segunda vitória consecutiva na Moto2, em 2019, no GP da Itália, realizado no último domingo, dia 2 de junho.  A prova aconteceu no tradicional circuito de Mugello e, desde o seu início, Alex Marques impôs um estilo dominante. Foi a primeira vez que o piloto obteve vitórias consecutivas nos últimos cinco anos, desde que conquistou o Campeonato Mundial da Moto3, em 2014. Mas isso foi apenas parte da história dessa corrida, pois, mais uma vez, os motores triplos de 765 cc da Triumph foram muito importantes para a Moto2 estabelecer novos recordes.

O primeiro momento de destaque do fim de semana foi do italiano Nicolo Bulega, da equipe Sky Racing Team VR46. No treino livre 2, ele tornou-se o primeiro piloto a atingir 300 km/h em uma motocicleta da Moto2. Foi o mais veloz que a categoria já havia visto.

Nos treinos qualificatórios, quando a temperatura do solo subiu para 45 graus Celsius, foi a volta de Marcel Schrotter que brilhou, fazendo com que o piloto da equipe Dynavolt Intact GP definisse o recorde de volta mais rápida da história. Superando o recorde anterior de volta mais rápida em quase um segundo, os primeiros seis pilotos da qualificação bateram o recorde de velocidade máxima de 2015.

Já na corrida, um novo recorde de volta mais rápida foi estabelecido por Marquez, rumo à vitória que o colocou no segundo lugar do campeonato, apenas dois pontos atrás do líder Lorenzo Baldassarri. O piloto da equipe Flexbox HP40 conseguiu apenas o 15º lugar no treino qualificatório e teria que se recuperar na corrida, mas uma ótima largada fez com que ele ganhasse cinco posições na primeira volta, e seu ritmo implacável o deixou logo atrás da briga pelo pódio com três voltas para salvar sua liderança.

Após seis corridas, os três primeiros na briga pelo título estão separados por apenas quatro pontos. Portanto, além de nunca ter sido tão rápida, a Moto2 também nunca teve uma disputa tão acirrada.

“Atingir mais de 300 km/h é um verdadeiro marco e algo do qual estamos muito orgulhosos, demonstrando a potência do nosso motor triplo de 765 cc. Também é fantástico ver os pilotos com a roda dianteira no ar acima de 250 km/h. Mugello proporcionou outro ótimo fim de semana para o desempenho do nosso motor, continuando a redefinir a velocidade e o desempenho da categoria da Moto2, quebrando recordes em quase todos os fins de semana”, disse Steve Sargent, diretor de produto da Triumph.

O motor de corrida Triumph Moto2 765 cc é um desenvolvimento da motocicleta de estrada Street Triple RS, líder da sua categoria, que produz 140 cv de potência. A próxima etapa da Moto2 será o GP da Catalunha, em Barcelona, na Espanha, no dia 16 de junho. Lá, o esporte vai celebrar 70 anos de corridas.

SOBRE A TRIUMPH

A Triumph Motorcycles Brazil é uma das 12 subsidiárias da empresa pelo mundo e conta com sede em São Paulo (SP) e fábrica em Manaus. A marca conta com 17 Concessionárias no Brasil nas cidades de São Paulo (SP), Campinas (SP), Ribeirão Preto (SP), São José dos Campos (SP), Porto Alegre (RS), Brasília (DF), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ), Goiânia (GO), Florianópolis (SC), João Pessoa (PB), Londrina (PR), Vitória (ES), Várzea Grande (MT) e Fortaleza (CE). A Triumph possui o portfólio mais completo do mercado entre as marcas premium, oferecendo três pilares principais de produtos: Clássica, Adventure e Roadster.

Fundada em 1902, a Triumph Motorcycles é uma empresa global, atuando diretamente em 13 países, por meio de suas filiais, e indiretamente em mais 57 mercados, através de distribuidores independentes. A Triumph é a maior fabricante britânica de motos e a marca que mais cresce no segmento acima de 500 cc nos países nos quais está presente. O faturamento mundial da empresa gira em torno de R$ 2,1 bilhões e suas vendas no varejo superam as 63.400 unidades anuais, com produção acima de 67.000 motos por ano. No mundo todo, a Triumph possui mais de 600 concessionárias e perto de 2.000 funcionários.

PRESS RELEASE COMPLETO:
Moto2 – GP Itália

FOTO EM ALTA RESOLUÇÃO:

Triumph inaugura em Fortaleza (CE) a sua 17ª Concessionária no Brasil

A Triumph Motorcycles inaugurou oficialmente, no último sábado, dia 1º de junho, em Fortaleza (CE), a 17ª Concessionária da marca inglesa no Brasil. A Triumph Fortaleza conta com 10 funcionários e área construída total de 400 m², incluindo show-room, customer lounge e oficina completa com dois boxes e equipamentos de última geração. Técnicos e equipes de vendas e pós-vendas foram treinados pela própria Triumph. A oficina tem capacidade para atender até 200 motocicletas por mês, oferecendo maior cobertura em peças e serviços na região Nordeste do País e também uma maior diversidade de motos, acessórios e roupas para cada tipo de pilotagem.

A nova Concessionária faz parte de um grupo fundado em 1962, especializado nos mercados de motocicletas e automóveis, que também trabalha atualmente com diversas outras marcas, como Yamaha, Kia, Land Rover, Jaguar e Troller. “A Triumph Fortaleza tem como meta comercializar cerca de 100 motos até dezembro deste ano”, afirma Alysson Rocha, gerente geral da Concessionária. A partir de sábado, o público da região já poderá realizar test-rides com diversos modelos de motocicletas, além de conhecer de perto a coleção completa de roupas e acessórios pessoais da marca disponível no mercado brasileiro.

A nova revenda está instalada na Avenida Domingos Olímpio, 32, no bairro de José Bonifácio. O telefone de atendimento ao público é (85) 3464-2040.

SOBRE A TRIUMPH

A Triumph Motorcycles Brazil é uma das 12 subsidiárias da empresa pelo mundo e conta com sede em São Paulo (SP) e fábrica em Manaus. A marca conta com 17 Concessionárias no Brasil nas cidades de São Paulo (SP), Campinas (SP), Ribeirão Preto (SP), São José dos Campos (SP), Porto Alegre (RS), Brasília (DF), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ), Goiânia (GO), Florianópolis (SC), João Pessoa (PB), Londrina (PR), Vitória (ES), Várzea Grande (MT) e Fortaleza (CE). A Triumph possui o portfólio mais completo do mercado entre as marcas premium, oferecendo três pilares principais de produtos: Clássica, Adventure e Roadster.

Fundada em 1902, a Triumph Motorcycles é uma empresa global, atuando diretamente em 13 países, por meio de suas filiais, e indiretamente em mais 57 mercados, através de distribuidores independentes. A Triumph é a maior fabricante britânica de motos e a marca que mais cresce no segmento acima de 500 cc nos países nos quais está presente. O faturamento mundial da empresa gira em torno de R$ 2,1 bilhões e suas vendas no varejo superam as 63.400 unidades anuais, com produção acima de 67.000 motos por ano. No mundo todo, a Triumph possui mais de 600 concessionárias e perto de 2.000 funcionários.

FOTOS EM ALTA RESOLUÇÃO:

Alex Marquez vence GP da França da Moto2 e disputa pelo título fica mais acirrada

004
A temporada 2019 da categoria Moto2 está cada vez mais competitiva graças ao potente motor  triplo da Triumph de 765 cc.

O piloto espanhol Alex Marquez tornou-se o terceiro vencedor individual desta temporada da Moto2, agora equipada com exclusividade com motores Triumph de 765 cc. No GP da França, no último domingo (dia 19), na icônica pista de Le Mans, Marquez transformou seu terceiro lugar no grid de largada em sua primeira vitória de 2019 – ele não vencia uma prova desde o GP do Japão, em 2017. Com o resultado, Alex Marquez saltou para a quarta colocação na classificação geral do campeonato.

O GP da França trouxe problemas para o piloto da Flexbox HP 40, o francês Lorenzo Baldassarri,  que abandonou a prova após uma queda. No entanto, suas três vitórias já conquistadas nesta temporada lhe garantiram a permanência no topo da classificação do campeonato, embora agora apenas sete pontos à frente do suíço Thomas Luthi, do Dynavolt Intact GP, na segunda posição.

Pouco mais de um segundo atrás de Marquez, em Le Mans, estava outro espanhol, o piloto Jorge Navarro, que conseguiu um resultado consecutivo no pódio, passando para o terceiro lugar da classificação geral. Apesar das condições climáticas – a pista estava seca no momento da corrida, mas o tempo estava frio -, Navarro estabeleceu um novo recorde para a pista.

Lutando pelo pódio com Navarro estava o companheiro de equipe de Baldassarri, Augusto Fernandez, que finalmente cruzou a linha em terceiro, trocando de lugar com Navarro nas últimas voltas. Seu segundo pódio consecutivo o coloca em sexto na classificação geral. Os cinco primeiros colocados no campeonato, de Baldassarri a Marcel Schrotter, estão separados por apenas 19 pontos agora, ou o equivalente a uma posição de segundo lugar (20 pontos).

Houve muitas quedas no fim de semana. Um dos pilotos mais conhecidos a falhar nesta etapa foi o italiano Simone Corsi. O piloto da Tasca Racing Scuderia estava em um arranque notável, subindo 13 posições nas cinco primeiras voltas e alcançando o líder da corrida, Marquez. Infelizmente, a busca do italiano pela primeira vitória desde 2008 chegou ao fim quando um erro fez com que perdesse o controle da sua moto.

“Em primeiro lugar, parabéns a Alex Marquez e à equipe Marc VDS pela sua primeira vitória usando o poder da Triumph! Parabéns também a Jorge Navarro, que marcou o recorde de voltas na França, apesar das condições climáticas mistas no fim de semana. Desejamos a Lorenzo Baldassarri uma rápida recuperação após o acidente. Acho que estamos em um momento muito emocionante no campeonato, já que caminhamos para um período intenso de corridas europeias. A luta pelo campeonato se tornou acirrada após a dominação inicial de Baldassarri, então teremos que assistir de perto na próxima rodada, em Mugello, um dos circuitos mais rápidos, para ver o que acontece. Acredito que podemos esperar que mais pilotos corram na frente, conforme se adaptam a usar o poder e torque do motor triplo da Triumph, de 765 cc”, disse Steve Sargent, diretor de produto da Triumph.

O motor de corrida Triumph Moto2 de 765 cc é um desenvolvimento da motocicleta de estrada Street Triple RS de 765 cc, líder na sua classe, que produz 140 cv de potência. No mês de junho, serão três provas da Moto2, começando pelo Grande Prêmio da Itália, em Mugello no dia 2.

SOBRE A TRIUMPH

A Triumph Motorcycles Brazil é uma das 12 subsidiárias da empresa pelo mundo e conta com sede em São Paulo (SP) e fábrica em Manaus. A marca conta com 16 Concessionárias no Brasil nas cidades de São Paulo (SP), Campinas (SP), Ribeirão Preto (SP), São José dos Campos (SP), Porto Alegre (RS), Brasília (DF), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ), Goiânia (GO), Florianópolis (SC), João Pessoa (PB), Londrina (PR), Vitória (ES) e Várzea Grande (MT). A Triumph possui o portfólio mais completo do mercado entre as marcas premium, oferecendo três pilares principais de produtos: Clássica, Adventure e Roadster. Fundada em 1902, a Triumph Motorcycles é uma empresa global, atuando diretamente em 13 países, por meio de suas filiais, e indiretamente em mais 57 mercados, através de distribuidores independentes. A Triumph é a maior fabricante britânica de motos e a marca que mais cresce no segmento acima de 500 cc nos países nos quais está presente. O faturamento mundial da empresa gira em torno de R$ 2,1 bilhões e suas vendas no varejo superam as 63.400 unidades anuais, com produção acima de 67.000 motos por ano. No mundo todo, a Triumph possui mais de 700 concessionárias e perto de 2.000 funcionários.

PRESS RELEASE COMPLETO:
Moto2 – GP França

FOTOS EM ALTA RESOLUÇÃO:

Dia dos Namorados: sugestões de presentes descolados e originais da Triumph

MLUS18302
A Triumph oferece vários modelos de bolsas e mochilas feitos totalmente de couro.

As 16 Concessionárias da Triumph no Brasil comercializam, além de motos e acessórios, uma linha completa de roupas e objetos pessoais para os públicos masculino e feminino, para quem anda de moto e também para quem não utiliza motocicleta. A nova coleção outono/inverno, lançada recentemente, oferece mais de 40 itens que podem ser opções criativas de presentes para o próximo Dia dos Namorados. Os produtos estão divididos nas categorias “pilotagem”, “casual” e “acessórios pessoais”.

Para namorados que pilotam motocicleta, uma boa dica é a Jaqueta Beachley, vendida por R$ 1.790,00, que é totalmente confeccionada em couro, com forro em colete acolchoado removível, e oferece ventilação por abertura de zíper Air Flow e ilhós sob a manga. O modelo também conta com um conjunto completo de proteções removíveis contra impactos D3O (referência mundial em proteções contra impacto) e detalhes de acabamento como impressão pintada à mão nas costas e quatro emblemas no peito.

Dicas para namoradas motociclistas (ou não)

Para as namoradas motociclistas, a Triumph oferece a Jaqueta Beaufort 2. Ela é feita totalmente de couro e conta com painéis em tecido Stretch, forro em colete acolchoado removível, ventilação por abertura de zíper Air Flow, proteções removíeis contra impactos, detalhes no colarinho custom com fivela de fixação, quatro bolsos na parte frontal e dois bolsos laterais para aquecer as mãos. Preço: R$ 1.790,00.

Há muitas opções nas concessionárias Triumph, ainda, para quem não anda de moto, mas busca um produto com estilo e qualidade premium. Para as mulheres, por exemplo, a marca oferece a Malha Casual Jess, produzida com 60% de algodão e 40% de viscose. Preço: 289,00.

Além das roupas, há uma variedade incrível de acessórios pessoais para homens e mulheres, incluindo diversos itens produzidos com 100% de couro, como nécessaire (R$ 249,00), bolsa para notebook (R$ 590,00) e mochila (R$ 590,00).

SOBRE A TRIUMPH

A Triumph Motorcycles Brazil é uma das 12 subsidiárias da empresa pelo mundo e conta com sede em São Paulo (SP) e fábrica em Manaus. A marca conta com 16 Concessionárias no Brasil nas cidades de São Paulo (SP), Campinas (SP), Ribeirão Preto (SP), São José dos Campos (SP), Porto Alegre (RS), Brasília (DF), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ), Goiânia (GO), Florianópolis (SC), João Pessoa (PB), Londrina (PR), Vitória (ES) e Várzea Grande (MT).

A Triumph possui o portfólio mais completo do mercado entre as marcas premium, oferecendo três pilares principais de produtos: Clássica, Adventure e Roadster. Fundada em 1902, a Triumph Motorcycles é uma empresa global, atuando diretamente em 13 países, por meio de suas filiais, e indiretamente em mais 57 mercados, através de distribuidores independentes. A Triumph é a maior fabricante britânica de motos e a marca que mais cresce no segmento acima de 500 cc nos países nos quais está presente. O faturamento mundial da empresa gira em torno de R$ 2,1 bilhões e suas vendas no varejo superam as 63.400 unidades anuais, com produção acima de 67.000 motos por ano. No mundo todo, a Triumph possui mais de 700 concessionárias e perto de 2.000 funcionários.

PRESS RELEASE COMPLETO:
Sugestões de presentes – Dia dos Namorados 2019

FOTOS EM ALTA RESOLUÇÃO:

Novo Projeto Triumph TE-1 vai desenvolver tecnologias inéditas para motos elétricas

Triumph Motorcycles Limited
Projeto Triumph TE-1: parceria inédita entre líderes acadêmicos e quatro grandes integrantes da indústria inglesa, incluindo a Triumph Motorcycles.

A Triumph Motorcycles anuncia uma colaboração inédita com especialistas da indústria da Inglaterra, líderes acadêmicos e a Innovate UK (agência do governo britânico que promove programas de ciência e tecnologia) para desenvolver novas tecnologias especializadas em motocicletas elétricas e soluções integradas inovadoras para este futuro segmento de mercado na Inglaterra. Será uma parceria única entre líderes acadêmicos e quatro grandes integrantes da indústria inglesa.

O projeto, que será desenvolvido nos próximos dois anos, em parceria com a Williams Advanced Engineering (empresa que pertence ao Grupo Williams, referência na Fórmula 1, e é dedicada a serviços de tecnologia e engenharia), a Integral Powertrain (fornecedora inglesa dos setores automotivo e aeroespacial) e o Warwick Manufacturing Group – WMG (um departamento acadêmico da Universidade de Warwick, que fornece pesquisa, educação e transferência de conhecimento em engenharia, manufatura e tecnologia), vai fornecer uma contribuição tecnológica significativa para possíveis lançamentos de motocicletas elétricas da Triumph no futuro.

FINANCIAMENTO DO GOVERNO INGLÊS

O projeto conta com o apoio e o cofinanciamento do Departamento de Negócios, Energia e Estratégia Industrial do Reino Unido (BEIS) e da Secretaria de Veículos de Baixa Emissão (OLEV), por meio da Innovate UK. Essa parceria combinará a experiência mundialmente reconhecida da Triumph no mercado de motocicletas com recursos avançados, baseados em automóveis, para gerar inovação tecnológica para as futuras motocicletas elétricas.

“Esta nova colaboração representa uma excelente oportunidade para a Triumph e seus parceiros liderarem a tecnologia que possibilitará a eletrificação de motocicletas, impulsionada por clientes que se esforçam para reduzir seu impacto ambiental, têm o desejo de utilizar um transporte mais econômico e querem mudanças na legislação do setor”, afirma Nick Bloor, CEO da Triumph. “O projeto Triumph TE-1 faz parte da nossa estratégia de motocicletas elétricas, focada em fornecer o que os consumidores esperam da sua Triumph, que é o equilíbrio perfeito entre manuseio, desempenho e capacidade de uso”, acrescenta o executivo.

Cada uma das empresas participantes será responsável por criar inovações em suas respectivas áreas de atuação:

A Triumph Motorcycles conduzirá o projeto, fornecendo design avançado de chassi de motocicletas, especialização em engenharia, excelência em fabricação e sistemas de segurança funcional pioneiros, assim como definindo características de entrega de potência de transmissão elétrica.

A Williams Advanced Engineering fornecerá uma bateria leve e inovadora, usando suas instalações de teste e desenvolvimento para oferecer um sistema pioneiro de gestão da bateria combinado com a unidade de controle do veículo.

A Divisão de e-Drive da Integral Powertrain liderará o desenvolvimento de motores elétricos e um inversor de carboneto de silício, integrando ambos em um único compartimento.

A WMG fornecerá especialização em eletrificação e visão crítica para impulsionar a inovação desta nova tecnologia desde a fase de pesquisa e desenvolvimento até o seu impacto comercial, realizando simulações para definir as necessidades futuras deste mercado.

A Innovate UK apoiará os parceiros e administrará os fundos. Isso faz parte da moderna estratégia de financiamento do BEIS, com o objetivo de criar uma capacidade líder no mercado de veículos elétricos na Inglaterra.

PROJETO SERÁ ORGANIZADO EM QUATRO FASES PRINCIPAIS

O projeto será organizado em quatro fases principais, sendo que um dos seus principais objetivos é o aumento da integração de sistemas. Ao desenvolver componentes individuais de transmissões elétricas de base automotiva e otimizá-los em unidades combinadas, o projeto buscará criar sistemas sofisticados de motocicletas elétricas que reduzirão a massa, a complexidade e outras exigências relacionadas a essa nova tecnologia.

A Triumph trabalhará junto com as organizações parceiras para acelerar a especialização conjunta no manuseio e segurança de baterias, dimensionamento ideal do motor elétrico, integração de sistemas de frenagem, incluindo frenagem regenerativa e sistemas avançados de segurança. A inovação e os recursos desenvolvidos nessas áreas contribuirão para a futura estratégia de motocicletas elétricas da Triumph.

A parceria do Projeto Triumph TE-1, com o apoio da Innovate UK, é focada em facilitar a criação de:

  • Motocicletas elétricas que atendam às necessidades dos clientes que buscam meios de transporte com menos impacto ambiental de maneira alinhada com o foco da Inglaterra na redução de emissões;
  • Parcerias fortes, comercialmente viáveis ​​e sustentáveis ​​com fabricantes e cadeias de fornecimento do setor no país;
  • Especialização da mão de obra inglesa, gerando mais empregos e uma base de talentos que assegurem empregos sustentáveis e impulsionem a reputação e a influência da Inglaterra no cenário mundial.

“A equipe da Williams Advanced Engineering está ansiosa para aplicar nossa especialização na eletrificação do transporte com nossos parceiros”, afirma Craig Wilson, Diretor Geral da Williams Advanced Engineering.  “A Williams já equipou diversos veículos elétricos de renome mundial e isso será um avanço significativo no nosso trabalho, implementando esse conhecimento em duas rodas”, acrescentou.

“A Integral Powertrain sempre redefiniu os limites da tecnologia e-drive, trabalhando com os clientes para encontrar a melhor solução para atender às suas exatas necessidades”, diz Andrew Cross, CTO da Integral Powertrain. “O projeto se baseará na nossa extensa experiência com motores e veículos elétricos, adquirida ao longo dos últimos 20 anos trabalhando como grandes fornecedores dos fabricantes da área automotiva. Estamos extremamente contentes em ajudar a Triumph com a sua futura estratégia de eletrificação, em um projeto no qual podemos aplicar nossa experiência para projetar uma transmissão elétrica de motocicletas extremamente eficiente”.

“As motocicletas elétricas terão um papel vital no transporte futuro no mundo todo, reduzindo o congestionamento e melhorando a qualidade do ar urbano, além de facilitar o estacionamento. A pilotagem dessas motos também será ótima, com torque abundante e fácil de controlar, fornecido suavemente em todas as velocidades. A WMG fornecerá sua experiência em tecnologia de baterias e eletrificação de veículos marítimos, aéreos, rodoviários e ferroviários a este empolgante setor. Nossa equipe de especialistas conduzirá o trabalho a fim de assegurar que os veículos sejam seguros e eficientes, sem comprometer o seu desempenho dinâmico”, explica o professor David Greenwood, da área de Sistemas de Propulsão Avançados da WMG.

Steve Sargent, Chefe de Produto da Triumph, afirma: “Nossa estratégia de produtos futuros é focada em fornecer as plataformas de motor mais adequadas para um cenário em constante mudança, de acordo com as necessidades dos clientes, e vemos o conjunto de motores elétricos da Triumph como um requisito importante junto com nossos motores de cilindros duplos e triplos. Como parte da nossa iniciativa de motocicletas elétricas, o Projeto Triumph TE-1 representa uma empolgante colaboração que fornecerá informações valiosas para nossa futura linha. Temos o incrível prazer de contar com o apoio da OLEV e da Innovate UK e de trabalhar em conjunto com os especialistas em eletrificação e líderes acadêmicos do país, em esforços voltados para a futura prosperidade da indústria britânica e o futuro do motociclismo”.

SOBRE A TRIUMPH

A Triumph Motorcycles Brazil é uma das 12 subsidiárias da empresa pelo mundo e conta com sede em São Paulo (SP) e fábrica em Manaus. A marca conta com 16 Concessionárias no Brasil nas cidades de São Paulo (SP), Campinas (SP), Ribeirão Preto (SP), São José dos Campos (SP), Porto Alegre (RS), Brasília (DF), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ), Goiânia (GO), Florianópolis (SC), João Pessoa (PB), Londrina (PR), Vitória (ES) e Várzea Grande (MT). A Triumph possui o portfólio mais completo do mercado entre as marcas premium, oferecendo três pilares principais de produtos: Clássica, Adventure e Roadster. Fundada em 1902, a Triumph Motorcycles é uma empresa global, atuando diretamente em 13 países, por meio de suas filiais, e indiretamente em mais 57 mercados, através de distribuidores independentes. A Triumph é a maior fabricante britânica de motos e a marca que mais cresce no segmento acima de 500 cc nos países nos quais está presente. O faturamento mundial da empresa gira em torno de R$ 2,1 bilhões e suas vendas no varejo superam as 63.400 unidades anuais, com produção acima de 67.000 motos por ano. No mundo todo, a Triumph possui mais de 700 concessionárias e perto de 2.000 funcionários.

SOBRE A WILLIAMS ADVANCED ENGINEERING

A Williams Advanced Engineering Limited opera nos negócios de serviços de tecnologia e engenharia e faz parte do Grupo Williams. Em 2010, a Williams Grand Prix Engenharia Limited começou a diversificar suas operações, levando à constituição da divisão de Engenharia Avançada da Williams, que agora tornou-se a Williams Advanced Engineering Limited. Combinando tecnologia de ponta e os melhores engenheiros do setor com precisão e rapidez para o mercado, resultantes de quatro décadas de sucesso no ambiente extremamente competitivo da Fórmula 1, a Williams Advanced Engineering oferece inovadores serviços técnicos, de engenharia, testes, fabricação e consultoria técnica em toda a indústria. Trabalhando em estreita colaboração com seus clientes e parceiros, a Williams Advanced Engineering ajuda a enfrentar os desafios de sustentabilidade e tecnologia do século 21 e a melhorar o desempenho, com sua especialização em aerodinâmica e termodinâmica, eletrificação, materiais leves avançados, simulação e integração de veículos.  A empresa também apoia o crescimento de empresas de tecnologia iniciantes na Inglaterra.

SOBRE A INTEGRAL POWERTRAIN

A Integral Powertrain é uma empresa de engenharia global que, nos últimos 20 anos, vem desenvolvendo continuamente tecnologias de geração futura, como parte do movimento em direção a uma forma mais sustentável de fornecer energia aos veículos.  Trabalhando em estreita colaboração com fabricantes de prestígio e fornecedores qualificados, os engenheiros da Integral Powertrain criam soluções de motores e e-Drive inovadoras, complexas e líderes de mercado, que são usadas para uma ampla gama de aplicações em veículos esportivos, de passageiros, off-road e também em equipamentos aeroespaciais, marítimos e industriais. A empresa opera três divisões: Integral e-Drive, Integral Powertrain e Integral e-Hub, empregando mais de 175 pessoas em seus Centros de Engenharia e Emissões em Milton Keynes, cidade no sudeste da Inglaterra. A empresa recebeu vários prêmios em 2018, incluindo o célebre “Dewar Trophy”, do Royal Automobile Club.

SOBRE A WMG, UNIVERSIDADE DE WARWICK

A WMG é um grupo líder mundial em pesquisa e educação que transforma organizações e impulsiona a inovação por meio de uma combinação única de pesquisa e desenvolvimento colaborativos e programas educacionais pioneiros. Com um modelo internacional de parcerias de sucesso entre a universidade e os setores público e privado, a WMG desenvolve avanços na Inglaterra e globalmente em ciência aplicada, tecnologia e engenharia, para fornecer um verdadeiro impacto ao crescimento econômico, à sociedade e ao meio ambiente. A WMG foi fundada pelo professor Lord Kumar Bhattacharyya em 1980 para ajudar a revigorar a fabricação britânica e melhorar a competitividade por meio da inovação e do desenvolvimento de habilidades.

PRESS RELEASE COMPLETO:
Projeto TE-1

FOTOS EM ALTA RESOLUÇÃO:

Na Clínica Fast Odonto, o realinhamento dentário ortodôntico dura no máximo um ano e meio, enquanto em alguns dentistas leva até quatro anos

aparelho ortodôntico.jpg
O mercado oferece uma grande variedade de aparelhos ortodônticos atualmente.

Você sabe o que é alinhamento dentário ortodôntico?

É a técnica aplicada pelos dentistas para alinhar os dentes tortos, ou fora da posição considerada ideal ou mesmo com má formação utilizando um aparelho ortodôntico ou um aparelho dentário. O uso contínuo deste dispositivo permite a correção da posição dos dentes, tornando o sorriso da pessoa mais natural e bonito.  Embora o mercado odontológico ofereça hoje diversos modelos de aparelhos ortodônticos, basicamente, este dispositivo nada mais é do que um conjunto de peças ligadas entre si, que fazem pressão sobre os dentes, “empurrando” ou “puxando” os dentes na direção que o seu dentista definir. Portanto, aos poucos, com o passar do tempo, os dentes são movidos lentamente numa direção específica. À medida que os dentes se movem, o osso também modifica o seu formato, remodelando a raiz do dente na sua nova posição. Há diversos modelos de aparelhos sendo comercializados hoje em dia, como o aparelho fixo convencional e os aparelhos estéticos transparentes e invisíveis, entre tantas outras opções cada vez mais tecnológicas e fashions.

E quanto tempo é necessário para que os dentes cheguem à posição correta?

Este é mais um diferencial do trabalho desenvolvido pela Cirurgiã-Dentista Valeska Roverso Correa, diretora da Clínica Fast Odonto. “Não há um prazo exato para que o tratamento termine. Mas, aqui na Fast Odonto, garantimos que alcançamos os resultados desejados em até um ano e meio. No mercado em geral, no entanto, existem muitos dentistas que seguram o aparelho no paciente por até três ou quatro anos, somente para garantirem sua remuneração por mais tempo. Isso destrói a boca da pessoa”, revela a Dra. Valeska.

De acordo com a profissional, no entanto, não é apenas uma questão de custos. “Acima de tudo, é uma questão de conduta do profissional. Não tem como uma pessoa ficar mais de um ano, um ano e meio de aparelho por que este aparelho atrapalha a higiene dental, causa problema, provoca cáries e propicia o acúmulo de alimentos nos pontos em que suas partes ficam em contato direto com os dentes. Então, é desrespeitoso deixar o paciente mais tempo do que realmente deveria”, explica ela.

A questão da alimentação, por exemplo, é um dos pontos que mais incomoda os pacientes. Além de provocarem cáries, alguns alimentos podem danificar partes do aparelho e descolar os braquetes (aquelas peças que ficam fixas aos dentes e seguram toda a estrutura do dispositivo). Por isso, os pacientes devem evitar comer alimentos muito duros (como nozes e avelãs), pipoca, rapadura e pé de moleque. Também devem ser evitados alimentos grudentos ou pegajosos (como chicletes), alimentos fibrosos (como manga e abacaxi), refrigerantes etc. “Enfim, a lista de restrições alimentar é extensa e quanto menos tempo o paciente tiver de utilizar o aparelho ortodôntico, melhor será sua qualidade de vida. E é isso que priorizamos aqui na Fast Odonto, acrescenta a Dra. Valeska.

A profissional também explica que, mesmo em alguns casos nos quais os resultados demoram um pouco mais para chegar, há opções mais eficazes e honestas para atender o paciente. “No meu planejamento ortodôntico, quando eu percebo que o paciente vai demorar para resolver o problema com ortodontia, eu faço um replanejamento, usando aparelhos móveis antes de colocar o fixo na boca da pessoa, a fim de minimizar o uso do aparelho fixo, evitando danos aos dentes.

Brinde especial para os pacientes ao retirar o aparelho ortodôntico

Outra vantagem de instalar o aparelho ortodôntico na Clínica Fast Odonto o cliente descobre no momento da retirada: “Nós realizamos limpeza e clareamentos dos dentes sem cobrar nenhuma taxa extra”, explica  Dra. Valeska.

Por que os dentes ficam tortos?

Segundo os especialistas, dentes tortos e problemas na “mordida” podem ter origem em fatores hereditários e também ambientais. Os fatores hereditários, muitas vezes, são responsáveis pelos grandes espaços entre os dentes e as mordidas erradas. Já o hábito de chupar o dedo e problemas nas arcadas dentárias devido a acidentes podem ser alguns dos fatores ambientais que influenciam e contribuem para o desalinhamento dos dentes.

Baldassarri conquista terceira vitória na Moto2 e motor Triumph continua batendo recordes

2
GP da Espanha: muita competitividade entre os pilotos na categoria Moto2, graças ao novo motor Triumph de 765 cc.

O piloto italiano Lorenzo Baldassarri continua se destacando bastante na categoria Moto2 na temporada de 2019, agora equipada com motores Triumph de 765 cc. No último domingo (dia 5 de maio), ele venceu a quarta etapa da categoria neste ano, o Grande Prêmio da Espanha, realizado no tradicional Circuito de Jerez, na cidade de Jerez de la Frontera. Foi a terceira vitória de Baldassari neste ano – ele já havia sido vitorioso no Qatar e na Argentina; enquanto o suíço Thomas Luthi ganhou a terceira etapa, no autódromo Circuito das Américas, na cidade de Austin, no Texas, nos Estados Unidos.

Baldassarri, líder do campeonato, estabeleceu um novo recorde de volta mais rápida para o circuito, sendo 0,9 segundos mais rápido que seu próprio recorde obtido em 2018. E ele não foi o único piloto a definir novos recordes: o espanhol Jorge Navarro, terceiro colocado na prova anterior, levou sua máquina Speed Up com motor Triumph à pole position com um novo recorde para a pista: quase 0,8 segundos mais veloz que o seu recorde anterior.

Na volta de abertura da corrida, um acidente envolvendo quatro motocicletas na saída da primeira curva exigiu bandeira vermelha e uma nova largada. O piloto espanhol Augusto Fernandez, em recuperação, que perdeu as primeiras duas corridas após cirurgia por uma fratura dupla no pulso, assumiu a liderança inicial logo à frente de Baldassarri, seu colega na equipe Flexbox HP40.

Por volta da metade de prova, Baldassarri assumiu a ponta e garantiu outra vitória importante, estendendo sua liderança no campeonato para os 17 pontos. O pole position Navarro batalhou muito, após cair para quinto na primeira volta, tendo que brigar com Fernandez e conquistando o segundo lugar na penúltima volta, subindo para o quarto lugar na classificação geral do campeonato.

Com os novos motores Triumph de 765 cc, a velocidade mais alta neste fim de semana foi obtida por três pilotos: Navarro, Xavi Vierge e Alex Marquez, todos chegando aos 251,1 km/h.

“Após quatro corridas da nossa primeira temporada na Moto2, as três vitórias iniciais de Lorenzo representam uma grande realização, especialmente considerando como a categoria está competitiva este ano. O fato de três pilotos estabelecerem a mesma velocidade máxima durante o fim de semana indica o nível de igualdade que buscamos e, o mais importante, sempre com corridas muito  acirradas. Com novos recordes de volta mais rápida e velocidade máxima estabelecidos neste fim de semana, o nível da categoria está incrivelmente alto e estamos contentes com a participação da Triumph em tornar este show ainda mais empolgante”, afirmou Steve Sargent, CPO da Triumph.

O motor de corrida Triumph Moto2 de 765 cc é um desenvolvimento da motocicleta de estrada Street Triple RS 765 cc (também vendida no Brasil), líder da sua categoria, que produz 140 cv de potência com o mesmo ronco visceral típico da marca inglesa.

A próxima etapa da Moto 2 será o Grande Prêmio da França, no dia 19 de maio.

SOBRE A TRIUMPH

A Triumph Motorcycles Brazil é uma das 12 subsidiárias da empresa pelo mundo e conta com sede em São Paulo (SP) e fábrica em Manaus. A marca conta com 16 Concessionárias no Brasil nas cidades de São Paulo (SP), Campinas (SP), Ribeirão Preto (SP), São José dos Campos (SP), Porto Alegre (RS), Brasília (DF), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ), Goiânia (GO), Florianópolis (SC), João Pessoa (PB), Londrina (PR), Vitória (ES) e Várzea Grande (MT). A Triumph possui o portfólio mais completo do mercado entre as marcas premium, oferecendo três pilares principais de produtos: Clássica, Adventure e Roadster.

Fundada em 1902, a Triumph Motorcycles é uma empresa global, atuando diretamente em 13 países, por meio de suas filiais, e indiretamente em mais 57 mercados, através de distribuidores independentes. A Triumph é a maior fabricante britânica de motos e a marca que mais cresce no segmento acima de 500 cc nos países nos quais está presente. O faturamento mundial da empresa gira em torno de R$ 2,1 bilhões e suas vendas no varejo superam as 63.400 unidades anuais, com produção acima de 67.000 motos por ano. No mundo todo, a Triumph possui mais de 700 concessionárias e perto de 2.000 funcionários.

PRESS RELEASE COMPLETO:
Moto2 – GP Jerez

FOTOS EM ALTA RESOLUÇÃO: