Todos os posts de edusanches

g6 é a nova assessoria de imprensa da terapeuta Catia Simionato

A terapeuta Catia Simionato tem mais de 1,1 milhão de seguidores no seu canal Ser Felicidade no You Tube.

A g6 Comunicação é a nova assessoria de imprensa da terapeuta Catia Simionato, responsável pelo canal “Ser Felicidade”. Presente em todas as redes sociais, Catia é um fenômeno da Internet no YouTube. Criado em 2016, seu canal conta, hoje, com 1,1 milhão de seguidores e possui centenas de vídeos sobre autoconhecimento, expansão da consciência, meditações, espiritualidade e entrevistas com professores espirituais que conheceu pelo mundo – todos produzidos pela própria Catia ao longo desses anos.

Ela também é palestrante internacional, professora de meditação e condutora de retiros espirituais para a expansão da consciência. Além de ter viajado boa parte do mundo e conhecido pessoalmente líderes espirituais de diferentes linhas, Catia já realizou uma infinidade de cursos integrativos, como Mestre em Reiki (na modalidade Usui e Karuna), Magnified Healing (técnica de cura vibracional), Light Healing (cura com a luz), Radiestesia, Radiônica, Cromoterapia (terapia das cores), Florais de Bach, Florais de Saint Germain, Cura Essênia, Tachyon Energy Healing, Spiritual Nutrition (com o Dr. Gabriel Cousens), Praying and Healing (com Howard Wills) e The Work of Byron Katie (trabalho que identifica e investiga pensamentos que causam o sofrimento do mundo).

É autora do curso “Método MRI” (Manual para Reorganização Interna), um novo modelo de terapia individual onde a pessoa trabalha internamento o seu desenvolvimento em diversos níveis: físico, emocional e espiritual. O objetivo é realizar uma jornada de transformação, na qual a pessoa se livra definitivamente de pensamentos negativos que a impedem de ser mais feliz. Com seus vídeos semanais, Catia também está promovendo o movimento “Da mente ao Coração”, no qual propõe que as pessoas ouçam menos sua mente crítica e autocrítica e encontrem dentro de si mesmas a sua felicidade, valorizando, por exemplo, o autoamor e a autoestima.

Catia Simionato está à disposição dos jornalistas para entrevistas.

FOTOS EM ALTA RESOLUÇÃO:

Restaurante Sim Sobá oferece sucos exclusivos criados com ingredientes tradicionais na culinária de Mato Grosso do Sul

Varanda’s: um mix de capim-santo (também conhecido como capim-cidreira) e xaropes artesanais de gengibre e limão feitos pela própria chef Vanessa Carvalho. São bebidas que combinam muito bem com o Sobá, especialidade da casa.

A chef Vanessa Carvalho, que comanda o restaurante Sim Sobá, desenvolveu uma linha exclusiva de sucos elaborados com produtos tradicionais na cozinha de Mato Grosso do Sul. São ingredientes como capim-santo, gengibre e a erva natural utilizada numa bebida muito comum no estado, o Tereré. O resultado são combinações incríveis no sabor e muito refrescantes que remetem à rica gastronomia e cultura sul-mato-grossense.

“Minha intenção era criar uma linha de bebidas inédita, que remetesse à culinária de Campo Grande, cidade onde nasci e vivi muitos anos, para acompanhar justamente um dos pratos mais tradicionais de lá, que é o Sobá”, explica Vanessa Carvalho. Para chegar aos três sucos que compõem a linha hoje, chamada de Varanda’s Drinks, a chef precisou fazer muitos testes, experimentando a combinação de diferentes ingredientes. Como resultado, foram desenvolvidos três sucos naturais que integram o cardápio da casa:

Varanda’s. É um mix de capim-santo (também conhecido como capim-cidreira) e xaropes artesanais de gengibre e limão feitos pela própria Vanessa. Custa R$ 13,00 (300 ml).

Varanda’s Tereré. Uma combinação de chá da erva utilizada na elaboração do famoso Tereré (bebida muito tradicional do Mato Grosso do Sul) e xaropes artesanais de gengibre e limão. Custa R$ 14,00 (300 ml).

Flor de Varanda’s. É elaborada com chá de canela, xarope artesanal de hibisco (também produzido pela chef Vanessa) e um toque de limão. Custa R$ 14,00 (300 ml).

Os três drinks harmonizam muito bem com o Sobá à Moda de Campo Grande, elaborado com capricho pela chef. O Sobá é um dos pratos mais populares de Campo Grande, com centenas de restaurantes atendendo ao público da cidade.

SOBÁ À MODA DE CAMPO GRANDE

De origem japonesa, o Sobá ganhou fama e virou tradição no Campo Grande. O prato é uma combinação de macarrão (artesanal e diferente do que conhecemos na culinária italiana), omelete fatiada, cebolinha e uma proteína, que pode ser carne bovina, carne suína, frango ou shimeji. Além disso, o toque especial que dá um sabor muito especial ao prato no Sim Sobá é um caldo feito com ossobuco e temperos típicos de MS (há alguns segredos nesta receita da chef).

No Sobá de Shimeji, além da versão “normal”, com caldo de ossobuco, há mais duas opções: o “Vegetariano”, com um caldo à base de legumes, e o “Vegano”, também com o caldo de legumes e ainda não conta com omelete e sua massa é elaborada sem ovos.

CARDÁPIO DO SIM SOBÁ

Sobá Bovino – R$ 40,00
Sobá Suíno – R$ 36,00
Sobá de Frango – R$ 34,00
Sobá de Shimeji – R$ 44,00
Sobá Vegetariano (Shimeji) – R$ 44,00
Sobá Vegano (Shimeji) – R$ 46,00
Suco Varanda’s – R$ 13,00 (300 ml)
Suco Varanda’s Tereré – R$ 14,00 (300 ml)
Suco Flor de Varanda’s – R$ 14,00 (300 ml)

SERVIÇO

Restaurante Sim Sobá
Rua Zacarias de Góis, 1770
Fone: 2892-0527
Fone/whatsapp: 98696-5212
Bairro do Campo Belo – São Paulo (SP)
Funciona de sexta a domingo, apenas pelo Delivery.
Horário: 18h às 22h

SOBRE A CHEF VANESSA CARVALHO

Nascida em Campo Grande (MS), Vanessa tem 45 anos. Ela nasceu numa família com cinco mulheres que adoram cozinhar – a mãe e quatro tias. “Em todas as reuniões e festas familiares são elas que preparam tudo”, conta Vanessa. Ela nasceu nesse ambiente gastronômico cheio de sabores e temperos e combinações intensos, uma marca da comida de Campo Grande. A mãe foi sua grande professora na cozinha. Com 5 anos ganhou de presente um jogo de panelas de verdade, e começou a aprender a cozinhar numa mini cozinha que montou no quintal.

Aos 8 anos já sabia, e bem, fazer o tradicional Arroz de Carreteiro Pantaneiro, típico do Mato Grosso do Sul, e virou a responsável pela sua preparação nos encontros familiares. Mesmo assim, não trabalhou com comida em Campo Grande (embora tenha feito um curso de Gastronomia no Senac) e, em 1996, veio morar em São Paulo. Aqui, trabalhou como modelo, foi empresária do ramo de iluminação para shows e atuou como corretora de imóveis no Campo Belo durante cerca de 13 anos. Em 2006 morou na Suíça, perto da fronteira com a Itália. Trabalhava numa empresa durante o dia e nos finais de semana fazia bicos num restaurante na cidade italiana de Lugano. Preparava pratos típicos do Brasil.

Em 2016, voltou a Campo Grande e a vontade de trabalhar com gastronomia já era forte – sobretudo depois de ver que uma amiga havia aberto um restaurante. Decidiu voltar a São Paulo e abrir um restaurante especializado em Sobá. Seus amigos, surpresos, logo perguntavam: “Sobá? Ninguém sabe o que é Sobá em São Paulo!”. A resposta dela sempre foi rápida: “Sim, Sobá”. Aliás, foi daí que surgiu o nome do restaurante Sim Sobá.

PRESS RELEASE COMPLETO:

FOTOS EM ALTA RESOLUÇÃO:

Triumph e DGR comemoram 10 anos de realização do evento no mundo

DGR 2021: não serão promovidos eventos no Brasil, evitando qualquer tipo de aglomeração, nas concessionárias ou fora delas. O motociclista poderá optar pelo ride solo, escolhendo sua própria rota, saindo e retornando para sua casa.

Comemorando uma década de pilotagem elegante em prol de uma causa social importante, a Triumph e o Distinguished Gentleman’s Ride (DGR) unem forças pelo oitavo ano consecutivo reunindo motociclistas clássicos e motocicletas vintage pelo mundo no próximo dia 23 de maio. O evento deste ano marca o seu 10º aniversário e já arrecadou US$ 27,45 milhões desde a primeira edição. A Triumph Motorcycles tem apoiado, com orgulho, o DGR nos últimos oito anos. Neste período, reuniu mais de 300.000 entusiastas de motocicletas clássicas para ajudar a arrecadar fundos e conscientizar sobre o câncer de próstata e a saúde mental masculina.

Como homenagem ao 10º aniversário do Distinguished Gentleman’s Ride, uma Triumph Thruxton RS exclusiva será customizada e revelada antes do evento. O prêmio será reservado para o vencedor da competição “Gentlefolk de 2021”. Para tornarem-se elegíveis, os participantes precisam realizar o cadastro em www.gentlemansride.com, onde mais informações estão disponíveis sobre como qualificar-se para a disputa.

O Distinguished Gentleman’s Ride teve origem em 2012 em Sydney, na Austrália, com Mark Hawwa. Após inspirar-se em uma fotografia com trajes clássicos e motos vintage, Mark concluiu que um passeio temático seria uma ótima maneira de combater o estereótipo frequentemente negativo de motocicletas e unir a comunidade global do motociclismo e arrecadar fundos para uma causa importante para todos os pilotos.

O evento tem atraído um número crescente de participantes no mundo todo a cada ano. Neste ano, o evento de arrecadação de fundos visa atingir a marca de mais de US$ 30 milhões em seu 10º aniversário, para manter o financiamento de pesquisas e programas com o Movember Foundation, o Social Connections Challenge e o Veteran’s and First Responders Challenge.

Em função das restrições em constante mudança em cada cidade e país do mundo, o formato do DGR para 2021 variará conforme o local em que cada passeio será realizado. Ele incluirá uma mistura de eventos seguros contra a Covid-19 com somente rota ou pilotagem solo. Para informações sobre como os passeios próximos a você serão realizados, acesse www.gentlemansride.com. O DGR incentiva que todos participem seguindo as melhores práticas de proteção contra a Covid-19 e mantendo medidas adequadas de distanciamento social. Não serão promovidos eventos no Brasil, evitando qualquer tipo de aglomeração, seja nas concessionárias ou fora delas. O motociclista poderá optar pelo ride solo, escolhendo sua própria rota, saindo e retornando para sua casa como um nobre apoio ao DGR, além de fazer suas doações.

A TRIUMPH E O DGR

A Triumph tem o orgulho de, mais uma vez, fazer uma parceria com o Distinguished Gentleman’s Ride para apoiar este evento incrível e incentivar todos os fãs da Triumph a se vestirem de forma elegante, pilotar e doar, cumprindo as normas de distanciamento social estabelecidas por cada país.

Além da Thruxton RS exclusiva que será sorteada em celebração ao 10º aniversário da iniciativa entre os participantes da competição “Gentlefolk”, a Triumph doará mais três motocicletas novas da sua linha Modern Classic para serem presenteadas aos três maiores angariadores de fundos do mundo, totalizando quatro motos. A família de motocicletas Modern Classic da Triumph representa o espírito do Distinguished Gentleman’s Ride: elegante, icônica, com personalidade marcante e desenvolvida para a pilotagem.

Os canais de mídia social da Triumph também seguirão as hashtags #DGR2021 e #ForTheRide  para interagir e envolver todos os participantes do mundo todo e uma série de influenciadores digitais e celebridades se juntará à pilotagem solo para ajudar o DGR 2021 a ser outra edição de superação de recordes. A hashtag #WomenForTheRide também poderá ser usada por nossas riders que participarem desta edição.

“Nós, da Triumph, temos orgulho de ser o principal parceiro do Distinguished Gentlemen’s Ride pelo oitavo ano consecutivo e também temos um grande prazer em comemorar o 10º aniversário da iniciativa. Nosso relacionamento com o DGR é uma parceria extremamente importante – arrecadar fundos e conscientizar sobre o combate ao câncer de próstata e apoiar a saúde mental dos homens são essenciais tanto para a Triumph quanto para os pilotos. Como sempre, o progresso para aumentar a conscientização e o apoio são ainda mais eficazes quando se trata de uma parceria duradoura na qual podemos melhorar e desenvolver nossa atividade coletiva ano após ano”, afirmou Paul Stroud, CCO da Triumph.

“É difícil acreditar que, há 10 anos, alguns homens e mulheres em trajes elegantes subiram em suas motos clássicas e pilotaram no primeiro Distinguished Gentleman’s Ride. Fizemos tantas conexões incríveis e conhecemos tantas pessoas inspiradoras na última década. E uma das conexões das quais mais nos orgulhamos é a Triumph Motorcycles. Desde 2014, nossa parceria pavimentou o caminho para os pilotos de estilo clássico e vintage subirem em suas motos, adotarem uma postura ilustre e pilotarem pela saúde masculina. Neste ano, não estamos celebrando apenas os 10 anos do DGR, mas também oito anos da nossa parceria com a Triumph. Estamos ansiosos para arrecadar coletivamente mais de US$ 30 milhões desde o início do evento e pilotar de forma elegante em prol da saúde dos homens – seja em um evento protegido contra a Covid-19 ou sozinho. Estamos nisso juntos”, afirmou Mark Hawwa, Fundador e Diretor do Distinguished Gentleman’s Ride.

SOBRE A TRIUMPH

A Triumph Motorcycles Brazil é uma das 12 subsidiárias da empresa pelo mundo e conta com sede em São Paulo (SP) e fábrica em Manaus. A marca conta com 18 Concessionárias no Brasil nas cidades de São Paulo (SP), Campinas (SP), Ribeirão Preto (SP), São José dos Campos (SP), Porto Alegre (RS), Brasília (DF), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ), Goiânia (GO), Florianópolis (SC), João Pessoa (PB), Londrina (PR), Vitória (ES), Várzea Grande (MT), Fortaleza (CE) e Salvador (BA). A Triumph possui o portfólio mais completo do mercado entre as marcas premium, oferecendo três pilares principais de produtos: Clássica, Adventure e Roadster. Fundada em 1902, a Triumph Motorcycles é uma empresa global, atuando diretamente em 13 países, por meio de suas filiais, e indiretamente em mais 57 mercados, através de distribuidores independentes. A Triumph é a maior fabricante britânica de motos e a marca que mais cresce no segmento acima de 500 cc nos países nos quais está presente. O faturamento mundial da empresa gira em torno de R$ 3,5 bilhões e suas vendas no varejo superam as 63.400 unidades anuais, com produção acima de 67.000 motos por ano. No mundo todo, a Triumph possui mais de 700 concessionárias e perto de 2.000 funcionários.

PRESS RELEASE COMPLETO:

FOTOS EM ALTA RESOLUÇÃO:

Triumph lança promoção para motos clássicas com taxa zero e prestação a partir de R$ 399

Triumph Street Twin: uma das clássicas em promoção na campanha “Be Classic”.

A Triumph está oferecendo uma ótima oportunidade para o consumidor que deseja comprar uma motocicleta clássica. Os modelos Street Twin, T100 Black, Street Scrambler, T120 Black, Speed Twin e Bobber Black estão disponíveis pelo financiamento do Triumph Smart com taxa zero de juros, prestações a partir de R$ 399,00 para os modelos com motor de 900 cc e R$ 599 para as clássicas com o propulsor de 1200 cc e a primeira parcela ainda pode ser paga em até 90 dias. Estas ofertas super especiais são válidas somente para as últimas unidades dessas motocicletas ano/modelo 20/20.

As clássicas equipadas com motor de 900 cc estão disponíveis com prestações a partir de R$ 399. É o caso de Street Twin, T100 Black e Street Scrambler. A Street Twin custa R$ 49.500 e pode ser comprada com entrada de R$ 29.700 (60%), 23 parcelas fixas de R$ 399 e um valor residual final de R$ 11.660 (23%). A Bonneville T100 Black, com preço de R$ 51.000, sai por R$ 30.600 (60%) de entrada, 23 prestações de R$ 399 e uma parcela final de R$ 12.260 (24%). Já a Street Scrambler, que é comercializada por R$ 52.500, está à venda com entrada de R$ 31.500 (60%), 23 parcelas de R$ 399 e valor residual final de R$ 12.857 (24%).

Equipadas com o motor de 1200 cc, as clássicas T120 Black, Speed Twin e Bobber Black têm prestação mensal de apenas R$ 599 nesta campanha. A Bonneville T120 Black, com preço de R$ 55.600, está disponível com entrada de R$ 33.360 (60%), as 23 parcelas de R$ 599 e um valor final de R$ 9.515 (17%). A Speed Twin, de R$ 57.600, na promoção é vendida com entrada de R$ 34.560 (60%), 23 prestações de R$ 599 e a parcela final de R$ 10.316 (17%). Por fim, a Bobber Black, que custa R$ 59.600, tem entrada de R$ 35.760 (60%), 23 prestações de R$ 599 e parcela final de R$ 11.121 (18%).

O Triumph Smart tem como base um financiamento exclusivo para os clientes da marca, com entrada variável, taxas de juros especiais e até 23 parcelas mensais que realmente cabem no bolso do cliente. No final deste prazo, restará uma parcela residual que também é variável de acordo com a entrada e o valor das parcelas mensais. Caso o cliente deseje, no Triumph Smart ele pode aproveitar o benefício da Recompra Garantida, na qual a Rede de Concessionários Triumph garante a recompra daquela moto usada. Outro benefício do Triumph Smart é a possibilidade do cliente incluir no financiamento a compra de roupas e acessórios para moto.

Se você preferir, utilize o simulador do Triumph Smart (disponível em www.triumphsmart.com.br) e monte você mesmo o plano mais adequado que cabe no seu bolso, aumentando ou reduzindo a entrada, as prestações e a parcela residual final. Esse simulador nada mais é do que uma complexa calculadora financeira, bem completa, na qual qualquer consumidor poderá efetuar uma consulta em poucos minutos com muita facilidade. O sistema também permite incluir nos cálculos, se o consumidor desejar, acessórios, Garantia Estendida e uma ou duas revisões (como preferir). Ao término da consulta, o possível cliente terá uma proposta completa de quanto custará exatamente a sua moto, qual será o valor da entrada, das prestações mensais e da residual final – além dos complementos que escolher e de quanto eles representam no custo final da moto.

Uma forma direta e fácil do cliente entrar em contato com um Concessionário Triumph – principalmente neste momento de restrições de circulação no combate à pandemia – é por meio do site www.ofertastriumph.com.br. Ali, com dois cliques, é possível selecionar o Concessionário mais próximo e iniciar uma conversa pelo whatsapp.

MOTOR DE 900 CC

Os modelos Street Twin, T100 Black e Street Scrambler vêm equipados com motor de 900 cc que oferece um desempenho empolgante com alto torque, economia de combustível e um som incrível. O propulsor recebe pequenos ajustes em cada modelo, para adequar-se ao estilo de pilotagem de cada moto. Na T100, por exemplo, o propulsor atinge um torque mais elevado em rotações bem baixas (80 Nm a 3.230 rpm) e 55 cv de potência (5.900 rpm). Na Street Scrambler, o mesmo propulsor fornece muito mais torque e potência em baixas e médias rotações, o que torna o modelo perfeito para rodar pela cidade e pelas estradas de terra. Ele desenvolve 80 Nm de torque (a 3.200 rpm) e 65 cv de potência (a 7.500 rpm).

Na Street Twin atual, o motor de 900 cc de Alto Torque da família Bonneville se beneficia de uma considerável melhoria: sua potência subiu 10 cv, passando para 65 cv, o que representa um impressionante aumento de 18% em relação à versão anterior. Isso, combinado com seu renomado pico de torque, de 80 Nm, fornecido agora a 3.800 rpm, e seus imponentes silenciadores duplos elevados, proporciona o inconfundível ronco de uma típica British Twin e uma pilotagem empolgante e responsiva para a motocicleta.

MOTOR DE 1200 CC

As outras três motos que estão em oferta na campanha “Be Classic” são equipadas com o poderoso motor de 1.200 cc da Triumph, que recebe diferentes “calibragens” para cada modelo, em razão do estilo de pilotagem de cada moto. A personalidade roadster moderna, por exemplo, ganha vida na Speed Twin com esse propulsor. Seu motor recebeu diversas modificações, resultando numa potência de pico de 97 cv (a 6.750 rpm). Além disso, o motor da Speed ​​Twin também oferece um forte pico de torque de 112 Nm (a 4.950 rpm).

Na Bobber Black, este aclamado motor, com intervalo de acionamento de 270° e um ronco Bobber exclusivo, fornece torque líder da categoria para uma pilotagem hot rod empolgante e uma nota de escapamento forte. São 106 Nm de torque (a 4.000 rpm) e 77 cv de potência (a 6.100 rpm). O propulsor ganhou uma afinação típica “Bobber”, o que significa uma dose maior de torque e potência em baixas rotações.

A autêntica personalidade da Bonneville T120 Black se destaca com seu motor de 1.200 cc. Construído especialmente para o estilo clássico modernizado de pilotar, com uma entrega de força imediata e fascinante, ele produz um torque máximo de 105 Nm (a 3.100 rpm). O design do motor foi cuidadosamente trabalhado para incorporar traços de estilo fundamentais da linhagem das legendárias motos Bonneville da década de 60, incorporando componentes contemporâneos, e mesmo assim mantendo a icônica silhueta do motor.

TECNOLOGIAS E ACABAMENTOS

As clássicas da Triumph são equipadas com a tecnologia mais avançada que existe no mercado mundial de motocicletas. Apenas o seu visual é retrô. Todas elas possuem um conjunto de equipamentos de última geração, focados no piloto, que oferecem segurança, conforto e requinte, incluindo controle de tração, sistema de freios ABS, iluminação em LED, modos de pilotagem para diferentes situações que podem ser programados pelo usuário e embreagem com auxílio de torque proporcionando um toque mais leve e uma pilotagem mais fácil e mais confortável durante longas distâncias. Além disso, todos os modelos possuem a elegância tradicional do legítimo design inglês. Os modelos foram desenvolvidos para serem customizados – isso significa que as Concessionárias Triumph oferecem uma infinidade de opções para o cliente deixar a sua clássica com a sua personalidade.

SOBRE A TRIUMPH

A Triumph Motorcycles Brazil é uma das 12 subsidiárias da empresa pelo mundo e conta com sede em São Paulo (SP) e fábrica em Manaus. A marca conta com 18 Concessionárias no Brasil nas cidades de São Paulo (SP), Campinas (SP), Ribeirão Preto (SP), São José dos Campos (SP), Porto Alegre (RS), Brasília (DF), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ), Goiânia (GO), Florianópolis (SC), João Pessoa (PB), Londrina (PR), Vitória (ES), Várzea Grande (MT), Fortaleza (CE) e Salvador (BA). A Triumph possui o portfólio mais completo do mercado entre as marcas premium, oferecendo três pilares principais de produtos: Clássica, Adventure e Roadster. Fundada em 1902, a Triumph Motorcycles é uma empresa global, atuando diretamente em 13 países, por meio de suas filiais, e indiretamente em mais 57 mercados, através de distribuidores independentes. A Triumph é a maior fabricante britânica de motos e a marca que mais cresce no segmento acima de 500 cc nos países nos quais está presente. O faturamento mundial da empresa gira em torno de R$ 3,5 bilhões e suas vendas no varejo superam as 63.400 unidades anuais, com produção acima de 67.000 motos por ano. No mundo todo, a Triumph possui mais de 700 concessionárias e perto de 2.000 funcionários.

PRESS RELEASE COMPLETO:

FOTOS EM ALTA RESOLUÇÃO:

Sobá em São Paulo: restaurante lança Sobás de salmão, camarão e legumes para este final de semana

Sobá em São Paulo: Sobá de Frango é o mais acessível, vendido por R$ 34,00.

Para quem quer provar Sobá em São Paulo, o restaurante Sim Sobá, especializado na culinária de Mato Grosso do Sul, lança nesta próxima Sexta-Feira Santa, dia 2, três sabores do seu Sobá à Moda de Campo Grande: Sobá de Salmão, Sobá de Camarão e Sobá de Legumes. Os três sabores foram criados especialmente pela chef Vanessa Carvalho para este fim de semana da Páscoa e são novidades mesmo em Campo Grande (MS). “É a primeira vez que vejo Sobá feito com frutos do mar. Estamos inovando aqui e oferecendo um prato diferenciado para o consumidor paulistano. Mas os novos sabores serão vendidos somente neste final de semana”, destaca ela. Outra novidade do restaurante é que, a partir desta sexta-feira, a casa passa a funcionar de sexta a domingo todos os finais de semana, sempre pelo Delivery ou Drive Thru, das 18h às 22h. 

No restaurante Sim Sobá, neste próximo final de semana, estarão disponíveis para entrega além destas três novidades, seis opções de Sobá: Carne Suína, Carne Bovina, Frango, Shimeji, Vegano e Vegetariano, com preços a partir de R$ 34,00. Vale lembrar que os novos sabores serão temperados com caldo de legumes, como já acontece nas versões Vegetariano e Vegano, e não com o caldo de ossobuco dos demais Sobás. “Queremos oferecer aos clientes um prato com sabor mais delicado, que destaque o salmão ou o camarão, por exemplo”, explica Vanessa. Confira o cardápio completo:

CARDÁPIO
Sobá de Salmão – R$ 50,00
Sobá de Camarão – R$ 46,00
Sobá de Legumes – R$ 32,00
Sobá Bovino – R$ 40,00
Sobá Suíno – R$ 36,00
Sobá de Frango – R$ 34,00
Sobá de Shimeji – R$ 44,00
Sobá Vegetariano (Shimeji) – R$ 44,00 (caldo de legumes)
Sobá Vegano (Shimeji) – R$ 46,00 (caldo de legumes, massa sem ovos e sem omelete)
Brigadeiro de Capim Santo com Amêndoas Torradas – R$ 5,00 (50 gramas)
Doce de Abóbora com Coco – R$ 8,00
Doce de Abóbora em Pedaços – R$ 6,00

SOBRE A CHEF VANESSA CARVALHO

Vender Sobá em São Paulo: o grande desafio da chef Vanessa Carvalho.

Nascida em Campo Grande (MS), Vanessa tem 46 anos. Ela nasceu numa família com cinco mulheres que adoram cozinhar – a mãe e quatro tias. “Em todas as reuniões e festas familiares são elas que preparam tudo”, conta Vanessa. Ela nasceu nesse ambiente gastronômico cheio de sabores e temperos e combinações intensos, uma marca da comida de Campo Grande. A mãe foi sua grande professora na cozinha. Com 5 anos ganhou de presente um jogo de panelas de verdade, e começou a aprender a cozinhar numa mini cozinha que montou no quintal.

Aos oito anos já sabia, e bem, fazer o tradicional Arroz de Carreteiro Pantaneiro, típico do Mato Grosso do Sul, e virou a responsável pela sua preparação nos encontros familiares. Mesmo assim, não trabalhou com comida em Campo Grande (embora tenha feito um curso de Gastronomia no Senac) e, em 1996, veio morar em São Paulo. Aqui, trabalhou como modelo, foi empresária do ramo de iluminação para shows e atuou como corretora de imóveis no Campo Belo durante cerca de 13 anos. Em 2006 morou na Suíça, perto da fronteira com a Itália. Trabalhava numa empresa durante o dia e nos finais de semana fazia bicos num restaurante na cidade italiana de Lugano. Preparava pratos típicos do Brasil.

Em 2018, voltou a Campo Grande e a vontade de trabalhar com gastronomia já era forte – sobretudo depois de ver que uma amiga havia aberto um restaurante. Decidiu voltar a São Paulo e abrir um restaurante especializado em Sobá. Vender Sobá em São Paulo? Seus amigos, surpresos, logo perguntavam: “Sobá? Ninguém sabe o que é Sobá em São Paulo!”. A resposta dela sempre foi rápida: “Sim, Sobá”. Aliás, foi daí que surgiu o nome do restaurante Sim Sobá.

SOBRE O SOBÁ

De origem japonesa, o Sobá ganhou fama no Brasil no MS. A combinação de macarrão, omelete, carne de porco (na versão mais tradicional), cebolinha e um caldo de carne com temperos típicos foi trazida para o Mato Grosso do Sul na década de 50, por Eiho Tomoyohe e, já em 2006, virou patrimônio histórico e cultural de Campo Grande. A história do Sobá caminhou com a “Feirona” de Campo Grande, fundada em 1925. No começo, eram barracas, montadas na calçada. Hoje, a Feira Central, denominada oficialmente Feira Central e Turística, ocupa a Esplanada Ferroviária, um amplo espaço coberto que reúne 200 lojas de artesanato regional e produtos hortifrutigranjeiros, onde o carro-chefe são as dezenas de restaurantes de Sobá. Na cidade toda, são centenas de restaurantes de Sobá e muitas famílias vivem dessa verdadeira “indústria” local.

SERVIÇO
Restaurante Sim Sobá
Rua Zacarias de Góes, 1770
Fone: 2892-0527
Fone/whatsapp: 98696-5212
Funcionamento: todas as sextas, sábados e domingos
Horário: das 18h às 22h
Pedidos pelos telefones ou pelas plataformas iFood e Rappi

PRESS RELEASE COMPLETO:

FOTOS EM ALTA RESOLUÇÃO:

Triumph anuncia novidades tecnológicas inovadoras no seu projeto de motos elétricas

Primeiros esboços do estilo do protótipo da motos elétricas que será criado no final da próxima fase do Projeto TE-1, liderado pela Triumph.

Em maio de 2019, a Triumph anunciou, mundialmente, sua participação no Projeto TE-1, que tem como foco o desenvolvimento de tecnologia especializada em motos elétricas e soluções integradas inovadoras. O projeto é uma colaboração única entre a fabricante inglesa e a Williams Advanced Engineering (empresa que pertence ao Grupo Williams, referência na Fórmula 1, e é dedicada a serviços de tecnologia e engenharia), a Integral Powertrain (fornecedora inglesa dos setores automotivo e aeroespacial)  e o Warwick Manufacturing Group – WMG (um departamento acadêmico da Universidade de Warwick, que fornece pesquisa, educação e transferência de conhecimento em engenharia, manufatura e tecnologia). O Projeto TE-1 é financiado pelo Office for Zero Emission Vehicles (OZEV), do Governo do Reino Unido, e fornecido por meio da Innovate UK (agência do governo britânico que promove programas de ciência e tecnologia).

Liderado pela Triumph, o projeto tem como focos desenvolver motocicletas elétricas que atendam às necessidades dos clientes que buscam meios de transporte com menos impacto ambiental, de maneira alinhada com o foco do Reino Unido na redução de emissões; estabelecer parcerias fortes, comercialmente viáveis ​​e sustentáveis ​​com fabricantes e cadeias de fornecimento do setor no Reino Unido; e promover especialização e capacitação dentro da força de trabalho do Reino Unido, gerando empregos e uma base de talentos que assegurem empregos sustentáveis e impulsionem a reputação e a influência do Reino Unido no cenário mundial.

A Triumph anuncia, hoje, a conclusão da Fase 2 do Projeto TE-1, revelando os inovadores motor e bateria elétricos e os primeiros esboços do estilo do protótipo da moto elétrica que será criada no final da próxima fase. Os resultados de desempenho dos teste iniciais excedem em muito os parâmetros de referência atuais e as metas da indústria. Desenvolvimentos em desempenho, eficiência e autonomia estão possibilitando que o Projeto TE-1 cumpra integralmente os objetivos da parceria a fim de aumentar a credibilidade da indústria britânica, fornecendo contribuições significativas para a futura estratégia de motocicletas elétricas da Triumph.

As principais realizações do projeto, até o momento, incluem resultados de testes que mostram uma inovação significativa em massa, tecnologia de bateria e desempenho do motor superiores à meta definida pelo Automotive Council do Reino Unido (uma organização administrada pela indústria do Reino Unido que supervisiona a estratégia combinada de toda a indústria automotiva da região) para 2025. O projeto deverá fornecer inovação genuína para um novo padrão de desempenho de motocicletas elétricas plenamente utilizáveis.

“A conclusão da Fase 2 e os promissores resultados atingidos até agora fornecem uma visão empolgante do potencial futuro elétrico e demonstram o talento e a inovação desta colaboração britânica única. Sem dúvida, o resultado deste projeto terá um papel significativo nos nossos esforços futuros para atender à ambição e ao desejo dos nossos clientes de reduzir seu impacto ambiental e para um transporte mais sustentável”, disse Nick Bloor, CEO da Triumph. “Este importante projeto fornecerá uma das bases para a nossa estratégia de motos elétricas do futuro, focada em entregar o que os pilotos desejam da sua Triumph: o equilíbrio perfeito entre desempenho, manuseio e usabilidade no mundo real, com a personalidade genuína da Triumph”, acrescentou.

RESULTADOS DA FASE 2

Com base nas especificações acordadas, a Williams Advanced Engineering (WAE) identificou a tecnologia de célula e a arquitetura de bateria apropriadas para atingir os objetivos de desempenho. Usando isso como estrutura, a empresa otimizou o layout do módulo de bateria para equilibrar a massa e o posicionamento dentro do chassi do protótipo, levando em consideração o centro de gravidade, o espaço e a relação com o motor e a abordagem de carga.

Além do layout do módulo, também foi desenvolvida uma unidade de controle do veículo nova e exclusiva, que é integrada ao conjunto da bateria para minimizar o peso e o acondicionamento. Paralelamente, a WAE também criou um software de gerenciamento da bateria inovador para assegurar que a alimentação seja fornecida para o desempenho da bateria. O resultado da Fase 2, para a WAE, inclui uma bateria com funcionamento inteiramente testado e resultados de desempenho que excedem quaisquer outros no mercado em termos de potência e densidade de energia.

“Estamos muito satisfeitos por participar deste projeto, trabalhando para fornecer tecnologia de bateria e sistemas de controle de última geração. No cenário de hoje, a maior parte da tecnologia de motocicletas elétricas oferece um desempenho comprometido por baixos níveis de carga da bateria. Usando uma solução leve e compacta, fomos capazes de proporcionar ao piloto o desempenho máximo o tempo todo (independentemente da carga da bateria) e uma autonomia líder da categoria. Nos concentramos em expandir os limites para reduzir a massa e otimizar a posição da estrutura para beneficiar o manuseio. Também ampliamos os limites de desempenho da bateria, equilibrando o design para aceleração e autonomia, com simulações em pilotagem de pista. Em outras palavras, a mais agressiva possível”, disse Dyrr Ardash, Gerente Sênior Comercialda Williams Advanced Engineering.

“A densidade de energia desta nova bateria será um avanço significativo em relação à tecnologia existente, fornecendo ao piloto mais potência por mais tempo. A WAE também projetou e desenvolveu uma unidade de controle eletrônico, combinando o sistema de gerenciamento de bateria com as funções de controle da moto em um único conjunto. Isso é inédito neste mercado, beneficiando o acondicionamento e a integração, e melhorando a autonomia”, conclui Ardash.

De acordo com a Divisão e-Drive da Integral Powertrain, “nossa experiência em projetos e fabricação de motores e inversores de última geração nos ajudou a impulsionar essa tecnologia para o próximo nível. Na Fase 1, trabalhamos para integrar o motor e o inversor normalmente separados em um conjunto único e compacto. A integração reduz a massa e o volume do motor, reduzindo caixas adicionais no veículo, recursos de montagem, tubulação de resfriamento e conexões pesadas de alta tensão”.

O inovador conceito de integração também é inteiramente escalonável, sendo possível aumentar o número de estágios de potência para motores de maior diâmetro e maior torque, por exemplo. Em combinação com sua tecnologia de motor de última geração, a empresa já observa resultados empolgantes, com o motor atingindo uma potência duas vezes maior que a meta estabelecida pelo Automotive Council do Reino Unido para 2025.

A empresa também implantou uma tecnologia avançada de interruptor de carboneto de silício no inversor, o que reduz as perdas no inversor e resulta em eficiência do motor, entrega de potência e autonomia maiores. Agora no final da Fase 2, a empresa está orgulhosa de ter construído um novo protótipo do motor plenamente operacional, que foi testado quanto ao funcionamento e está cumprindo todos os aspectos de desempenho.

“Um dos fatores mais influentes no desempenho e manuseio de uma motocicleta é a massa. Portanto, na Integral Powertrain, nos concentramos muito em fazer uma mudança radical no projeto do motor e do inversor, removendo cabos pesados de alta tensão, por exemplo. Isso proporciona um produto significativamente mais compacto e leve do que qualquer outro atualmente disponível no mercado. O motor produz 130 kW ou quase 180 cv de potência, mas pesa apenas 10 kg, muito mais leve do que a tecnologia existente e claramente uma pequena fração da massa dos tradicionais motores de combustão interna”, afirmou Andrew Cross, Chief Technical Officer da Integral Powertrain.

“A tecnologia do interruptor de carboneto de silício em nosso novo inversor integrado escalonável ajudará a estabelecer novos padrões em termos de eficiência de motocicletas elétricas. A aplicação desta tecnologia proporciona um peso geral mais leve, com desempenho e autonomia significativamente maiores. Paralelamente, temos um foco muito forte no projeto para a atividade de fabricação e montagem, de modo que todo esse alto desempenho do motor e do inversor possa ser oferecido de maneira econômica. Em última análise, este realmente será um motor líder da indústria e ajudará a moldar o futuro da mobilidade elétrica. Estamos orgulhosos de fazer parte deste projeto de referência para a indústria britânica”, concluiu Cross.

A Warwick Manufacturing Group (WMG), trabalhou em estreita colaboração com todos os parceiros do Projeto TE-1 durante as Fases 1 e 2 para desenvolver modelos representativos a fim de simular os sistemas da moto, incluindo bateria, motor e controle. Inicialmente, isso permitiu que fossem validadas as especificações em relação à seleção de componentes pretendida, avaliando critérios de desempenho, como alcance e velocidade máxima com os modelos iniciais. Isso possibilitou que a Triumph desenvolvesse o software em um estágio inicial, antes que o hardware fosse construído, com programas de testes completos para assegurar que os testes reais sejam os mais aprimorados possíveis. Mais recentemente, a WMG também forneceu orientações à Triumph em relação à legislação futura, à infraestrutura de carregamento e às estratégias de reciclagem que precisarão ser implementadas em futuras plataformas de motocicletas elétricas.

“Nossa criação de modelos iniciais de simulação computacional no início da Fase 1 foi fundamental para assegurar que a escolha do componente fosse apropriada para cumprir as metas de desempenho definidas pelos parceiros para o Protótipo TE-1. Demos continuidade a esse trabalho na Fase 2 do projeto, refinando os modelos em um nível muito mais complexo a fim de possibilitar que nós e os parceiros imitemos outros componentes da moto, como freios, aceleração, iluminação e outros sistemas e simulemos a pilotagem do mundo real para fornecer oportunidades de desenvolvimento antes que os componentes fossem inteiramente projetados. Além disso, criamos uma plataforma física conectada a todas as unidades de controle com o objetivo de implementar um programa de testes de validação de projeto para assegurar que a função de cada parte estivesse dentro da faixa permitida” , informou Truong Quang Dinh, Professor Assistente de Gestão de Energia e Sistemas de Controle da WMG.

TRIUMPH LIDERA PROJETO DE MOTOS ELÉTRICAS

Ao longo da Fase 2, a Triumph desenvolveu um software de controle de veículo inédito e avançado que incorpora todos os sistemas elétricos para assegurar uma resposta intuitiva do acelerador, frenagem regenerativa, controle de tração e todas as dimensões que um cliente esperaria de uma motocicleta Triumph de alto desempenho. Além disso, integrou a este software estratégias de segurança funcional líderes, além de dar suporte à WMG em testes de equipamentos e também desenvolver inteiramente o novo visor de instrumentos protótipo. Paralelamente a este trabalho com o sistema elétrico e de controle, a Triumph projetou um chassi protótipo inédito, incluindo o quadro principal e o quadro traseiro, que foram otimizados junto com os conjuntos de bateria e motor, que serão posteriormente desenvolvidos na Fase 3 para o Protótipo TE-1. Durante o desenvolvimento do chassi, a empresa levou em consideração o design da transmissão e o estilo final do Protótipo TE-1, cujos desenhos estão sendo revelados pela primeira vez hoje.

 “O ponto de partida para nós no projeto TE-1 foi coletar um feed back importante dos clientes sobre o que os pilotos realmente desejam de suas motocicletas e entender como uma motocicleta elétrica pode fornecer a experiência que eles desejam. Isso inclui considerar o tipo de pilotagem, autonomia, comando e natureza da entrega de potência e torque, juntamente com a ergonomia e os controles da moto. Levando todo esse feed back em consideração, começamos o projeto do chassi, focando em reunir tudo no Protótipo TE-1 de uma forma que forneça uma experiência de pilotagem empolgante e nova, mas que no fim das contas seja familiar. Começamos a definir a interação do motor e da bateria por meio do uso do refinamento do software para fornecer uma entrega de potência e resposta do acelerador arrebatadores, que proporcionam grande controle e são intuitivos para o piloto. De modo geral, com o estilo, queríamos criar algo que fosse novo e empolgante, mas uma evolução natural da marca Triumph. Algo desejável por si só, com o distinto DNA da Triumph, e definitivamente não algo que seja diferente apenas para ser diferente. Unindo tudo isso com os parceiros, estamos entusiasmados em ver o progresso de um veículo de demonstração tão empolgante, que incorpora a tecnologia de ponta necessária para direcionar a estratégia para o roteiro futuro das motocicletas elétricas da Triumph. A equipe está orgulhosa por liderar um projeto tão inovador, forte e dinâmico com um grupo fantástico de parceiros que devem estabelecer a engenharia e o design britânicos na vanguarda dos futuros projetos de duas rodas”, explicouSteve Sargent, Chief Product da Triumph.

VISÃO GERAL DO PROJETO TE-1

O Projeto Triumph TE-1 é uma colaboração inovadora entre a Triumph Motorcycles e os especialistas em eletrificação do Reino Unido, todos focados em criar inovações em suas próprias áreas:

  • A Triumph Motorcycles está liderando o projeto, fornecendo design avançado de chassi de motocicletas e especialização em engenharia, excelência em fabricação e sistemas de segurança funcional pioneiros, assim como definindo características de entrega de potência de transmissão elétrica.
  • A Williams Advanced Engineering está fornecendo design e integração de bateria leve líder do setor, usando suas instalações de teste e desenvolvimento para oferecer um sistema inovador de gestão da bateria combinado com a unidade de controle do veículo.
  • A Divisão de e-Drive da Integral Powertrain está liderando o desenvolvimento de motores elétricos e um inversor de carboneto de silício, integrando ambos em um único compartimento de motor.
  • A WMG, na Universidade de Warwick, está fornecendo especialização em eletrificação e visão crítica para impulsionar a inovação desde a fase de pesquisa e desenvolvimento até o impacto comercial por meio de modelagem e simulação com base nas necessidades futuras do mercado.
  • O Office for Zero Emission Vehicles (OZEV) é uma equipe que trabalha em todo o governo para apoiar a transição para veículos com emissão zero, e oferece financiamento para apoiar a infraestrutura de pontos de carregamento em todo o Reino Unido. Isso contribuirá para o crescimento econômico e ajudará a reduzir as emissões de gases de efeito estufa e a poluição do ar nas estradas do Reino Unido. O OZEV faz parte do Departamento de Transporte e do Departamento de Negócios, Energia e Estratégia Industrial.
  • A Innovate UK é a agência governamental de pesquisa e inovação que apoia o financiamento de pesquisa e desenvolvimento e o crescimento dos negócios no Reino Unido.

É um projeto organizado em quatro fases principais, com um dos seus principais objetivos sendo o aumento da integração dos sistemas. Ao desenvolver componentes individuais de transmissões elétricas de base automotiva e otimizá-los em inovadoras unidades combinadas, o projeto visa fornecer sofisticados sistemas de motocicletas elétricas que reduzem a massa, a complexidade e as exigências de acondicionamento.

A Triumph Motorcycles está trabalhando junto com as organizações parceiras para acelerar a especialização conjunta em acondicionamento e segurança de baterias, dimensionamento e acondicionamento ideais do motor elétrico, integração de sistemas de frenagem, incluindo frenagem regenerativa e sistemas avançados de segurança. A inovação e os recursos desenvolvidos nessas áreas contribuirão para a futura estratégia de motocicletas elétricas da Triumph.

“A Innovate UK tem trabalhado em estreita parceria com o Office of Zero Emission Vehicles para cumprir o programa de entrega integrada desde 2013. Isso inclui financiamento para inovação revolucionária nos setores automotivos para tecnologias de veículos com emissão zero, desde a prova de conceito até a demonstração do veículo. O projeto TE-1 faz parte deste programa e está alinhado com a política ‘Road to Zero’e estabelece um marco importante em direção a veículos com zero absoluto em emissões. Estamos orgulhosos de financiar este projeto, que é pioneiro na fabricação de motocicletas com emissão zero no Reino Unido, uma vez que desenvolveu com sucesso, graças a um grupo muito talentoso, a primeira motocicleta elétrica da Triumph em um período muito rápido e preparou o alicerce para o futuro das motocicletas elétricas”, comentou Francesca Iudicello Ceng Mimeche, gerente do Programa Veículos Automotivos com Emissão Zero da Innovate UK.

“O investimento em Pesquisa e Desenvolvimento é fundamental para a nossa missão de colocar o Reino Unido na vanguarda de projetos, fabricação e uso de veículos com emissão zero. Ao apoiar essas tecnologias, estamos ajudando a cumprir nossos objetivos de descarbonização do transporte rodoviário, ao passo que ancoramos a atividade econômica em todo o Reino Unido, o que apoiará a recuperação ecológica após a pandemia. É por isso que o Office for Zero Emission Vehicles continua projetando e financiando uma série de ações de pesquisa e desenvolvimento que apóiam a inovação do Reino Unido no desenvolvimento de veículos com emissão zero e tecnologias de infraestrutura de carregamento. O Projeto TE-1 da Triumph é parte do nosso diversificado portfólio de projetos ambiciosos de eletrificação, que estão enfrentando desafios em linha com nossas ambições de eliminação gradual acelerada de carros e vans a gasolina e diesel e compromissos de veículos elétricos no ‘Plano de Dez Pontos do Primeiro Ministro’. Estamos empolgados em ver que nosso financiamento está ajudando a Triumph no avanço da inovação e das funcionalidades no âmbito das motocicletas elétricas, à medida que incentiva a colaboração entre várias empresas pioneiras no Reino Unido”, afirmou Jon Bray, líder de Pesquisa e Desenvolvimento do Office for Zero Emission Vehicles.

SOBRE A TRIUMPH

A Triumph Motorcycles Brazil é uma das 12 subsidiárias da empresa pelo mundo e conta com sede em São Paulo (SP) e fábrica em Manaus. A marca conta com 18 Concessionárias no Brasil nas cidades de São Paulo (SP), Campinas (SP), Ribeirão Preto (SP), São José dos Campos (SP), Porto Alegre (RS), Brasília (DF), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ), Goiânia (GO), Florianópolis (SC), João Pessoa (PB), Londrina (PR), Vitória (ES), Várzea Grande (MT), Fortaleza (CE) e Salvador (BA). A Triumph possui o portfólio mais completo do mercado entre as marcas premium, oferecendo três pilares principais de produtos: Clássica, Adventure e Roadster. Fundada em 1902, a Triumph Motorcycles é uma empresa global, atuando diretamente em 13 países, por meio de suas filiais, e indiretamente em mais 57 mercados, através de distribuidores independentes. A Triumph é a maior fabricante britânica de motos e a marca que mais cresce no segmento acima de 500 cc nos países nos quais está presente. O faturamento mundial da empresa gira em torno de R$ 3,5 bilhões e suas vendas no varejo superam as 63.400 unidades anuais, com produção acima de 67.000 motos por ano. No mundo todo, a Triumph possui mais de 700 concessionárias e perto de 2.000 funcionários.

PRESS RELEASE COMPLETO:

FOTOS EM ALTA RESOLUÇÃO:

Nesta sexta-feira, dia 19, restaurante Sim Sobá promove o “Dia do Sobá” pelo Delivery

A chef Vanessa Carvalho, que nasceu em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul.

O restaurante Sim Sobá, especializado na culinária de Mato Grosso do Sul, vai atender os seus clientes, pelo Delivery, nesta sexta-feira, dia 19. O restaurante foi inaugurado em 2018 e até o final do ano passado funcionava diariamente, apenas pelo Delivery. Para 2020, a chef Vanessa Carvalho, proprietária da casa, decidiu mudar sua estratégia e passou a oferecer o serviço Delivery apenas dois dias por mês, previamente anunciados. No restante do mês, a ideia é atender pequenos grupos em seu próprio espaço, no Campo Belo, em São Paulo (SP), um local todo decorado com a rica cultura de Mato Grosso do Sul. O atendimento presencial, porém, foi suspenso por conta da pandemia.

“Nosso primeiro ‘Dia do Sobá’ em 2021 aconteceu no último dia 5 de março, e foi um sucesso no almoço e no jantar. Vamos avaliar o movimento desta próxima sexta-feira para decidir se ampliamos novamente esse atendimento para mais dias”, explica Vanessa.

De origem japonesa, o Sobá ganhou fama no Brasil no MS. A combinação de macarrão, omelete, carne de porco (na versão mais tradicional), cebolinha e um caldo e carne com temperos típicos foi trazida para o Mato Grosso do Sul na década de 50, por Eiho Tomoyohe e, já em 2006, virou patrimônio histórico e cultural de Campo Grande. A história do Sobá caminhou com a “Feirona” de Campo Grande, fundada em 1925. No começo, eram barracas, montadas na calçada. Hoje, a Feira Central, denominada oficialmente Feira Central e Turística, ocupa a Esplanada Ferroviária, um amplo espaço coberto que reúne 200 lojas de artesanato regional e produtos hortifrutigranjeiros, onde o carro-chefe são as dezenas de restaurantes de Sobá.

No restaurante Sim Sobá estão disponíveis para entrega seis opções de Sobá: Carne Suína, Carne Bovina, Frango, Shimeji, Vegano e Vegetariano, com preços a partir de R$ 34,00. Há também várias opções em sobremesas típicas de Mato Grosso do Sul, como a “Cachorrada Pantaneira”.

SOBRE A CHEF VANESSA CARVALHO

Nascidaem Campo Grande (MS), Vanessa tem 46 anos. Ela nasceu numa família com cinco mulheres que adoram cozinhar – a mãe e quatro tias. “Em todas as reuniões e festas familiares são elas que preparam tudo”, conta Vanessa. Ela nasceu nesse ambiente gastronômico cheio de sabores e temperos e combinações intensos, uma marca da comida de Campo Grande. A mãe foi sua grande professora na cozinha. Com 5 anos ganhou de presente um jogo de panelas de verdade, e começou a aprender a cozinhar numa mini cozinha que montou no quintal.

Aos 8 anos já sabia, e bem, fazer o tradicional Arroz de Carreteiro Pantaneiro, típico do Mato Grosso do Sul, e virou a responsável pela sua preparação nos encontros familiares. Mesmo assim, não trabalhou com comida em Campo Grande (embora tenha feito um curso de Gastronomia no Senac) e, em 1996, veio morar em São Paulo. Aqui, trabalhou como modelo, foi empresária do ramo de iluminação para shows e atuou como corretora de imóveis no Campo Belo durante cerca de 13 anos. Em 2006 morou na Suíça, perto da fronteira com a Itália. Trabalhava numa empresa durante o dia e nos finais de semana fazia bicos num restaurante na cidade italiana de Lugano. Preparava pratos típicos do Brasil.

Em 2018, voltou a Campo Grande e a vontade de trabalhar com gastronomia já era forte – sobretudo depois de ver que uma amiga havia aberto um restaurante. Decidiu voltar a São Paulo e abrir um restaurante especializado em Sobá. Seus amigos, surpresos, logo perguntavam: “Sobá? Ninguém sabe o que é Sobá em São Paulo!”. A resposta dela sempre foi rápida: “Sim, Sobá”. Aliás, foi daí que surgiu o nome do restaurante Sim Sobá.

CARDÁPIO

Sobá Bovino – R$ 40,00
Sobá Suíno – R$ 36,00
Sobá de Frango – R$ 34,00
Sobá de Shimeji – R$ 44,00
Sobá Vegetariano (Shimeji) – R$ 44,00 (caldo de legumes)
Sobá Vegano (Shimeji) – R$ 46,00 (caldo de legumes, massa sem ovos e sem omelete)
Doce de abóbora com coco – R$ 8,00 (100 gramas)
Doce de abóbora em pedaços – R$ 6,00 (100 gramas)
Cachorrada Pantaneira – R$ 8,00 (100 gramas)
Geleia de Mocotó Pantaneira – R$ 4,00 (barra de 60 gramas)
Cocada Pantaneira – R$ 4,00 (barra de 55 gramas)

SERVIÇO
Restaurante Sim Sobá
Rua Zacarias de Góes, 1770
Fone: 2892-0527
Fone/whatsapp: 98696-5212
Data: 19 de março
Horário: das 11h às 15h e das 18h às 22h
Pedidos pelos telefones ou pelas plataformas iFood e Rappi

PRESS RELEASE COMPLETO:

FOTOS EM ALTA RESOLUÇÃO:

Triumph apresenta globalmente duas novas séries especiais do modelo Rocket 3

Nova Série Especial Triumph Rocket 3 R Black

A Triumph realiza hoje, na Inglaterra, a apresentação oficial de duas novas séries especiais: a Rocket 3 R Black e a Rocket 3 GT Triple Black. Ambas contam com o mesmo desempenho, tecnologias e manuseio fenomenais dos modelos já conhecidos Rocket 3 R e Rocket 3 GT, mas ganharam novos estilos escuros sofisticados com uma série de detalhes inteiramente pretos e inéditos, para uma presença ainda mais marcante. Apenas 1.000 unidades de cada modelo serão produzidas para atender a demanda do mundo todo, o que garantirá ainda mais exclusividade para os seus proprietários. Ainda não há previsão para o lançamento delas no mercado brasileiro.

O novo estilo deixou as duas motocicletas com um visual ainda mais arrojado, robusto e “feroz”. Cada modelo ganhou um novo esquema de cores sofisticado e, ao mesmo tempo, impressionante. A Rocket 3 R Black recebeu um visual inteiramente preto fosco e brilhante, com emblemas do tanque pretos e uma nova marca em tom preto. Como alternativa, a Rocket 3 GT Triple Black apresenta um outro estilo escuro elegante em três tons, sem perder a atitude despojada e confortável do modelo original GT.

Os dois modelos foram aprimorados com uma série exclusiva de componentes inteiramente pretos que adicionam um estilo ainda mais agressivo e dominante à motocicleta. Isso inclui, por exemplo, um novo para-lama traseiro de fibra de carbono. Seu motor incrível de 2.500 cc agora vem inteiramente preto, proporcionando uma aparência mais arrojada para as duas séries especiais. Mas a lista de componentes inteiramente pretos é extensa em ambas as motocicletas, incluindo itens como protetores do radiador, emblemas, garfos, braçadeira do guidão, pedaleiras, quadro traseiro, cavalete central e manetes de freio e embreagem, entre muitos outros componentes.

A Rocket é uma motocicleta com grande desempenho. Seu motor triplo de 2.500 cc não é apenas o maior motor de motocicleta de produção em série do mundo, mas ele também oferece o torque mais alto do planeta, com 221 Nm.  O torque máximo chega a 4.000 rpm e é mantido de forma constante na faixa intermediária, proporcionando aceleração inigualável e pilotagem sem esforço em qualquer marcha. A potência máxima é de 167 cv (a 6.000 rpm) e o motor é ajustado para entregar muita potência a partir de 3.500 rpm. A Rocket 3 R demonstrou recentemente sua incrível aceleração ao estabelecer um novo recorde de motocicletas de produção da Triumph, acelerando de 0 a 100 km/h em apenas 2,73 segundos.

As novas séries especiais incorporam toda a tecnologia de ponta da linha Rocket, o que inclui, por exemplo, câmbio de seis velocidades de alto desempenho, suspensão traseira monoshock Showa inteiramente ajustável, suspensão dianteira com garfos invertidos Showa também ajustáveis, freios Brembo de alta especificação, freios ABS otimizados para curvas, controle de tração de última geração e sofisticado painel de instrumentos TFT que permite conectividade com o telefone celular, interação com a câmera GoPro, navegação ponto a ponto e operação do telefone ou da seleção de músicas com um simples toque na tela. Ambos os modelos estão equipados com quatro modos de pilotagem – Road, Rain, Sport e Configurável pelo piloto.

As novas séries especiais ganharam, também, uma nova linha de acessórios para que o seu piloto possa personalizar a moto de acordo com as suas preferências pessoais. Entre os acessórios disponíveis, Auxílio de Troca de Marchas Triumph para aumento e redução de marchas sem embreagem, manoplas aquecidas (que vêm como item padrão na Rocket 3 GT) e um Sistema de Monitoramento da Pressão dos Pneus para maior segurança e controle. Para viagens, as novas motos ganharam uma variedade de bagageiros e assentos, entre outros recursos.

SOBRE A TRIUMPH

A Triumph Motorcycles Brazil é uma das 12 subsidiárias da empresa pelo mundo e conta com sede em São Paulo (SP) e fábrica em Manaus. A marca conta com 18 Concessionárias no Brasil nas cidades de São Paulo (SP), Campinas (SP), Ribeirão Preto (SP), São José dos Campos (SP), Porto Alegre (RS), Brasília (DF), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ), Goiânia (GO), Florianópolis (SC), João Pessoa (PB), Londrina (PR), Vitória (ES), Várzea Grande (MT), Fortaleza (CE) e Salvador (BA). A Triumph possui o portfólio mais completo do mercado entre as marcas premium, oferecendo três pilares principais de produtos: Clássica, Adventure e Roadster. Fundada em 1902, a Triumph Motorcycles é uma empresa global, atuando diretamente em 13 países, por meio de suas filiais, e indiretamente em mais 57 mercados, através de distribuidores independentes. A Triumph é a maior fabricante britânica de motos e a marca que mais cresce no segmento acima de 500 cc nos países nos quais está presente. O faturamento mundial da empresa gira em torno de R$ 2,1 bilhões e suas vendas no varejo superam as 63.400 unidades anuais, com produção acima de 67.000 motos por ano. No mundo todo, a Triumph possui mais de 700 concessionárias e perto de 2.000 funcionários.