Novos recordes de voltas mais rápidas e um novo vencedor marcam GP da Áustria

2

O piloto sul-africano Brad Binder tornou-se o quinto vencedor diferente na categoria Moto2 na temporada 2019, no GP da Áustria, realizado no último domingo, dia 11. Correndo pela equipe Red Bull KTM Ajo, Binder obteve uma vitória dominante. Classificado em segundo lugar no grid de largada, ele assumiu a liderança da prova já na primeira curva da primeira volta. Embora não tenha abandonado a liderança a partir de então, o sul-africano sofreu intensa pressão do líder do campeonato, o espanhol Alex Marquez, no final da corrida.

Marquez veio da 11ª posição de largada para o segundo lugar faltando apenas cinco voltas para o final, mas não conseguiu ultrapassar Binder, que conquistou sua primeira vitória em 2019 e sua quinta na categoria Moto2. Ele venceu Marquez por uma diferença de somente 0,3 segundos!

O piloto japonês Tetsuta Nagashima, da equipe Teluru SAG Team, estabeleceu uma impressionante pole position nesta prova, estabelecendo um novo recorde para a Moto2 em 2019. Durante a corrida, o italiano Luca Marini conseguiu um novo recorde de volta de volta mais rápida e atingiu uma velocidade máxima de 265,3 km/h, também um novo recorde, graças à eficiência do motor Triumph de 765 cc.

Após 11 corridas desta temporada, Marquez lidera a disputa pelo título, à frente de Thomas Lüthi, com Jorge Navarro em terceiro. Depois de sua dominância inicial, com três vitórias nas quatro primeiras corridas, Lorenzo Baldassarri é o quinto, mostrando como a categoria está evoluindo à medida em que as equipes e os pilotos se adaptam ao novo motor triplo de 765 cc da Triumph.

“É fantástico ver outro piloto, desta vez Brad Binder, no topo do pódio na segunda metade da nossa primeira temporada de Moto2, continuando a demonstrar o quão disputada está a competição, à medida que os pilotos da categoria continuam a aprender a capacidade e o desempenho do nosso motor de 765 cc. Os novos recordes de volta mais rápida e velocidade máxima são uma grande demonstração de como a categoria está progredindo. Com o ambiente incrível aqui na Áustria, o cenário está pronto para as próximas oito provas da temporada, que, eu tenho certeza, serão igualmente incríveis, enquanto a disputa pelo título realmente esquenta”, declarou Steve Sargent, diretor de Produto  da Triumph.

O motor de corrida Triumph Moto2 de 765 cc é um desenvolvimento da motocicleta de estrada Street Triple RS de 765 cc, líder da sua categoria, que produz 140 cv de potência. A próxima etapa da Moto2 será o Grande Prêmio da Grã-Bretanha, em 25 de agosto, em Silverstone, que será um evento muito especial para a Triumph, com a estreia mundial de uma motocicleta muito emocionante.

SOBRE A TRIUMPH

A Triumph Motorcycles Brazil é uma das 12 subsidiárias da empresa pelo mundo e conta com sede em São Paulo (SP) e fábrica em Manaus. A marca conta com 17 Concessionárias no Brasil nas cidades de São Paulo (SP), Campinas (SP), Ribeirão Preto (SP), São José dos Campos (SP), Porto Alegre (RS), Brasília (DF), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ), Goiânia (GO), Florianópolis (SC), João Pessoa (PB), Londrina (PR), Vitória (ES), Várzea Grande (MT) e Fortaleza (CE). A Triumph possui o portfólio mais completo do mercado entre as marcas premium, oferecendo três pilares principais de produtos: Clássica, Adventure e Roadster.

Fundada em 1902, a Triumph Motorcycles é uma empresa global, atuando diretamente em 13 países, por meio de suas filiais, e indiretamente em mais 57 mercados, através de distribuidores independentes. A Triumph é a maior fabricante britânica de motos e a marca que mais cresce no segmento acima de 500 cc nos países nos quais está presente. O faturamento mundial da empresa gira em torno de R$ 2,1 bilhões e suas vendas no varejo superam as 63.400 unidades anuais, com produção acima de 67.000 motos por ano. No mundo todo, a Triumph possui mais de 600 concessionárias e perto de 2.000 funcionários.

PRESS RELEASE COMPLETO:
Moto2 – GP Austria

FOTOS EM ALTA RESOLUÇÃO: